Mentoria em elaboração de PGRSS para profisisonais da saúde

Processo de aprendizagem, voltada à aplicação rápida e prática!

Saiba mais!

Precisa realizar um PGRSS para o seu negócio e não sabe como começar?

Então, aprenda com quem tem experiência!

A Master Ambiental já realizou mais de 250 planos de gerenciamento de resíduos, entre eles muitos Planos de Gerenciamento de Resíduos de Serviço de Saúde e é com essa experiência que podemos guiar você para desenvolver o PGRSS para o seu negócio!


Nossa Mentoria em elaboração de PGRSS para profissionais de saúde é única no mercado e foi especialmente criada para orientar, capacitar e atender você, profissional de saúde, que têm a necessidade de elaborar os PGRSS do seu estabelecimento para cumprir exigência da Vigilância Sanitária, e mais do que isso, gerenciar os resíduos corretamente sem terceirizar essa responsabilidade técnica. 

Como funciona a mentoria de elaboração de PGRSS?

A Mentoria é realizada por profissional da área ambiental experiente em elaborar PGRSS e é dividida em vários módulos que apresentam o passo a passo para a o desenvolvimento do plano, capacitando o profissional de saúde para que ele próprio possa elaborar e acompanhar a execução do Plano e assumir a responsabilidade técnica por isso. As aulas são individuais e totalmente particulares.

Confira as vantagens da mentoria de PGRSS

Economia de recursos

O profissional aprende a fazer o estudo sozinho e não necessitará de contratar terceiros.

Contato direto

Comunicação direta com quem tem experiência, podendo tirar dúvidas, facilitando ainda mais o andamento do Plano

Passo a passo

Acesso ao passo a passo para desenvolver do estudo na prática

Mentoria particular

As mentorias são totalmente particulares e individuais, atendendo diretamente sua particularidade.

Agende já sua mentoria de PGRSS e saiba como adotar boas práticas no gerenciamento de resíduos de serviços de saúde!

Entre em contato!

Iniciar a mentoria de PGRSS

Aprenda a fazer você mesmo o seu PGRSS!

Entre em contato e inicie ainda hoje a sua mentoria para elaboração do seu PGRSS.

Seus dados estão protegidos conosco.

DÚVIDAS FREQUENTES SOBRE A MENTORIA

Com a mentoria eu vou conseguir elaborar o meu PGRSS?

Sim! A mentoria foi desenvolvida para profissionais de saúde humana e animal dispostos a aprender sobre as boas práticas de gerenciamento de resíduos de serviços de saúde e a assumir o correto gerenciamento.

É preciso dispor de um profissional da área de saúde que possa se dedicar e ser o ponto focal da mentoria, quem trocará informações com o mentor.

 Mesmo para os estabelecimentos que terceirizam a elaboração do Plano bem como a coleta e destinação dos resíduos, o responsável pelo estabelecimento continua a ser responsável, pois a responsabilidade ambiental é compartilhada.

Dessa forma, com o auxílio e assessoria dos consultores da Master Ambiental, o profissional de saúde saberá o passo a passo da elaboração do plano. Terá que desenvolver algumas atividades como levantar documetnso e tirar fotos da atividade, mas não fará isso sozinho, contará com o apoio de profissionais especializados para tirar dúvidas.

Desse modo, com a opção da mentoria, além de atender a exigência da fiscalização da Vigilância Sanitária, saberá como identificar, quantificar e classificar os resíduos e terá embasamento para adotar boas práticas no dia a dia do estabelecimento de saúde.  


Como atender o prazo determinado pela vigilância sanitária com a mentoria?

Será necessário que o profissional de saúde designado dedique seu tempo com prioridade para preencher o formulários da vigilância sanitária com o auxílio da mentoria.

DÚVIDAS FREQUENTES SOBRE O PGRSS

O PGRSS é obrigatório?

Sim, o PGRSS é obrigatório de acordo com a Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei Federal nº 12.305/2010), Resolução Diretoria Colegiada – RDC ANVISA 222 /2018 e Resolução Conama 283/01;além de normas estaduais e municipais. Todo serviço gerador deve dispor de um Plano de Gerenciamento de Resíduos de Serviço de Saúde, observando as regulamentações federais, estaduais e municipais.


O estabelecimento já tem uma empresa especializada com licença ambiental para coletar os RSS, o certificado de destinação já é um documento suficiente?

Não, o certificado é uma comprovação da destinação adequada, porém o PGRSS engloba várias etapas do gerenciamento de resíduos de serviços de saúde, inclusive internamente, como separar e armazenar adequadamente os resíduos.


O PGRSS tem validade?

Em geral, a validade do Plano acompanha a validade da licença sanitária do estabelecimento. Não há em nível federal uma regulamentação sobre a necessidade de renovação, contudo é certo que se houver qualquer ampliação, reforma ou modificação na atividade do estabelecimento, o PGRSS deverá ser atualizado.

Do mesmo modo, se o estabelecimento for sujeito ao licenciamento ambiental, a validade do PGRSS acompanha o vencimento da licença.


Quem tem que fazer o PGRSS?


Desde hospitais, consultórios médicos das mais diversas especialidades, clínicas odontológicas, veterinárias, fisioterapias, farmácias, laboratórios e exames clínicos, funerárias, clínicas de estética e tatuagem!

As normas de gerenciamento de resíduos de serviços de saúde não diferenciam a classificação pela natureza da organização e sim pelos resíduos gerados nos serviços de saúde

Conforme a RDC ANVISA Nº 222/2018, art. 2º,§ 1º:

“ (...) definem-se como geradores de RSS todos os serviços cujas atividades estejam relacionadas com a atenção à saúde humana ou animal, inclusive os serviços de assistência domiciliar; laboratórios analíticos de produtos para saúde; necrotérios, funerárias e serviços onde se realizem atividades de embalsamamento (tanatopraxia e somatoconservação); serviços de medicina legal; drogarias e farmácias, inclusive as de manipulação; estabelecimentos de ensino e pesquisa na área de saúde; centros de controle de zoonoses; distribuidores de produtos farmacêuticos, importadores, distribuidores de materiais e controles para diagnóstico in vitro; unidades móveis de atendimento à saúde; serviços de acupuntura; serviços de piercing e tatuagem, salões de beleza e estética, dentre outros afins”.


Quem pode ser responsável por elaborar o PGRSS?

Segundo a Resolução CONAMA nº 358/2005 pode ser um profissional de nível superior, habilitado pelo seu conselho de classe. O responsável pelo estabelecimentos geradores de resíduos de serviços de saúde deve fazer o correto gerenciamento de todos os RSS por eles gerados. A elaboração, a implantação e o monitoramento do PGRSS pode ser terceirizada.

Na gestão de resíduos sólidos de serviços de saúde, os estabelecimentos geradores de RSS podem contratar outros prestadores para realizar os serviços de limpeza, coleta de resíduos, tratamento, disposição final e comercialização de materiais recicláveis. Por isso, é importante garantir que os terceiros cumpram a legislação, exigindo da empresa de coleta, por exemplo, a licença ambiental.


Quem fiscaliza o PGRSS?

Todo gerador de resíduos de serviços de saúde está sujeito à fiscalização da vigilância sanitária local. Se o estabelecimento é sujeito ao licenciamento ambiental (considerado potencialmente poluidor), os órgãos ambientais também são competentes para a fiscalização.

Ainda tem dúvidas?


Entre em contato com a Master Ambiental e saiba mais como funciona a mentoria de PGRSS!

Saiba mais!

www.masterambiental.com.br